Linux VPS

Comando Tail Linux: O Que é e Como Usá-lo

Tutorial Comando Tail Linux

Muitos usuários avançados do Linux usam comandos que imprimem certas partes de arquivos. Existem comandos head e tails que definem o início e fim de um arquivo ou comando.

Comandos tails permitem que usuários possam ler os comandos finais de um arquivo. Também é útil na monitoração de novas informações atualizadas em tempo real em arquivos específicos. Isso faz com que verificar as últimas entradas do sistema seja fácil. Usuários também podem visualizar múltiplos arquivos com um comando tail Linux.

Vamos começar a explorar o comando tail e todos os elementos que ele pode oferecer.

O que é Comando Tail Linux?

O comando tail é utilizado para imprimir os últimos números N ou tails de uma entrada. Geralmente, ele exibe, ou imprime, os últimos 10 números do arquivo. Se utilizarmos em um único nome de arquivo, dados de cada arquivo procedem de seu nome de arquivo com um header.

Existem, aproximadamente, 14 principais comandos tail Linux para diferentes propósitos. –n é usado para mostrar as últimas linhas de números em um arquivo ao invés de 10, que é o número padrão.

Como Usar o Comando Tail?

Normalmente, o tail imprime as últimas 10 linhas de um arquivo no Linux e encerra.

Para visualizar os últimos 10 números de um arquivo, utilize o comando abaixo:

tail name_of_file

Ou então:

tail file_path

O resultado irá mostrar as últimas 10 linhas de um arquivo.

Como Limitar o Número de Linhas Mostradas?

O Tale oferece aos usuários a habilidade de visualizar o número de linhas com o uso do comando –n.

A maneira mais simples e fácil de fazer isso é com o comando:

tail –n* file_path

O asterísco * indica o número de linhas que você deseja imprimir.

Por exemplo, se você deseja visualizar duas linhas de um arquivo particular, use o comando abaixo:

tail -n2 devisers.txt

Como Visualizar o Último Número de Bytes de Dados?

Para visualizar o último número ou certos números de bytes de um arquivo grande, use a opção -c para simplificar a tail.

tail –c* file_path

Aqui o * representa o número de bytes. Substitua com o que você deseja ver.

Como Monitorar um Arquivo para Mudanças?

Para examinar um arquivo buscando por variações use o comando tail seguido pela opção -f. Este comando é útil ao visualizar as últimas dez linhas de um arquivo. Esta opção é comumente utilizada para acompanhar logs de arquivos em tempo real. Em nosso arquivo devisers.txt, o comando vai ficar assim:

tail -f devisers.txt

Versões mais novas do comando tail também permitem os usuários acompanharem múltiplos arquivos ou diretórios. Uma vez que o arquivo original mudar, o header irá mostrar em qual linha foram feitas mudanças.

Como Usar Comando Tail Linux com Outros Comandos?

Comandos tail podem ser seguidos de outros comandos Linux. Alguns exemplos são:

Usando o Comando Tail com -r (Sentido Contrário)

Para ver o resultado do comando tail em sentido contrário, utiliza-se o comando:

tail –n* file_name | sort -r

A primeira parte do comando é como utilizamos anteriormente, então separamos com | para indicar um comando de acompanhamento – sort -r, que irá fazer com que o resultado seja mostrado de maneira contrária.

Comando Tail com ls (Arquivo ou Diretório Mais Antigo)

Nos exemplos abaixo vamos ver os sete arquivos ou diretórios que sofreram alterações há mais tempo.

O comando fica dessa maneira:

ls -l | tail -n8

Resumo

O tail Linux é um comando incrivelmente flexível para melhorar o gerenciamento de seus arquivos. Tudo que você precisa fazer é especificar os arquivos e opções e usar o comando com a sintaxe correta.

Uma vez que você dominar a linguagem e entender usos comuns do comando, você pode modificá-lo para atender suas necessidades.

Brendon M.

Brendon é tradutor e apaixonado por tecnologia. Antes de se juntar à incrível Equipe de Conteúdo & SEO, fazia parte da da Equipe de Sucesso do Cliente da Hostinger, onde descobriu na área de hospedagem de sites sua paixão. Nas horas vagas divide seu tempo entre a família, séries, games, futebol e o violão.

Deixe um Comentário

Deixe seu comentário!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Comece a Economizar Agora!

Hospedagem com tudo incluso e nome de domínio
1
45
/mês